Jabu e seus amigos em:Só mais uma zoeira

BR BR HU3 HU3

#cdz #sait seiya #jabu #videos #humor

Há 17 horas4 notes

compartilhe

Hoje tem chuva de meteoros em dose dupla no Brasil o/
Na madrugada de hoje (29/072014) para amanhã (terça para quarta) terá a chance de ver duas chuvas de meteoros simultâneas. O fenômeno, que acontece anualmente, será observável em todo o Brasil e exige apenas céu aberto e paciência, sem nenhum equipamento adicional.
São duas fontes diferentes de poeira cósmica que adentram a atmosfera da Terra, produzindo as famosas “estrelas cadentes”.


Conhecidas como alfa-capricornidas e delta-aquáridas do sul, elas atigem seu pico juntas, no dia 29 de julho, e são muito difíceis de distinguir uma da outra. Primeiro porque seus radiantes (o ponto no céu de onde parecem emanar os meteoros) são muito próximos, localizados respectivamente nas constelações vizinhas de Capricórnio e Aquário. Depois, porque nenhuma delas figura entre as mais espetaculares chuvas anuais de meteoros.
As alfa-capricornidas são resultado do esfarelamento parcial do cometa 169P/NEAT, que aconteceu uns 5.000 anos atrás. Naquela ocasião quase metade do núcleo desse objeto se desfez. Como todos os cometas, ele é basicamente uma bola de gelo sujo. Ao se aproximar do Sol, o gelo evapora, e o bólido vai deixando partículas de poeira ao longo de sua órbita. São essas pequenas partículas desgarradas que adentram a atmosfera conforme a Terra cruza a órbita do bólido celeste, em seu trajeto anual em torno do Sol.
Já a delta-aquárida do sul, é aparentemente produto de vários cometas que passam rasantes ao Sol. Com órbitas bem acentuadas, as partículas remanescentes desses objetos viajam em altíssima velocidade, o que produz meteoros bastante rápidos — duração menor que um segundo. Um ou outro atinge grande brilho, mas não é comum. É possível, nas melhores condições de observação, detectar 15 a 30 meteoros por hora.
COMO OBSERVAR
 “Para ver uma chuva de meteoros, você só precisa dos seus olhos, uma cadeira de praia e motivação”, explica Gabriel Hickel, astrônomo da Universidade Federal de Itajubá (MG). “Não há região específica do céu a olhar. O ideal é procurar um lugar escuro, longe da poluição luminosa das grandes cidades, com o horizonte livre e deitar-se em uma cadeira de praia, de modo a ver o máximo de céu possível.”


Que camiseta vc vai usar para assistir o novo filme dos Cavaleiros do Zodíaco nos cinemas?escolha uma em nossa loja: http://bit.ly/useCDZ


http://bit.ly/useCDZ

Hoje tem chuva de meteoros em dose dupla no Brasil o/

Na madrugada de hoje (29/072014) para amanhã (terça para quarta) terá a chance de ver duas chuvas de meteoros simultâneas. O fenômeno, que acontece anualmente, será observável em todo o Brasil e exige apenas céu aberto e paciência, sem nenhum equipamento adicional.

São duas fontes diferentes de poeira cósmica que adentram a atmosfera da Terra, produzindo as famosas “estrelas cadentes”.

Conhecidas como alfa-capricornidas e delta-aquáridas do sul, elas atigem seu pico juntas, no dia 29 de julho, e são muito difíceis de distinguir uma da outra. Primeiro porque seus radiantes (o ponto no céu de onde parecem emanar os meteoros) são muito próximos, localizados respectivamente nas constelações vizinhas de Capricórnio e Aquário. Depois, porque nenhuma delas figura entre as mais espetaculares chuvas anuais de meteoros.

As alfa-capricornidas são resultado do esfarelamento parcial do cometa 169P/NEAT, que aconteceu uns 5.000 anos atrás. Naquela ocasião quase metade do núcleo desse objeto se desfez. Como todos os cometas, ele é basicamente uma bola de gelo sujo. Ao se aproximar do Sol, o gelo evapora, e o bólido vai deixando partículas de poeira ao longo de sua órbita. São essas pequenas partículas desgarradas que adentram a atmosfera conforme a Terra cruza a órbita do bólido celeste, em seu trajeto anual em torno do Sol.

Já a delta-aquárida do sul, é aparentemente produto de vários cometas que passam rasantes ao Sol. Com órbitas bem acentuadas, as partículas remanescentes desses objetos viajam em altíssima velocidade, o que produz meteoros bastante rápidos — duração menor que um segundo. Um ou outro atinge grande brilho, mas não é comum. É possível, nas melhores condições de observação, detectar 15 a 30 meteoros por hora.

COMO OBSERVAR


“Para ver uma chuva de meteoros, você só precisa dos seus olhos, uma cadeira de praia e motivação”, explica Gabriel Hickel, astrônomo da Universidade Federal de Itajubá (MG). “Não há região específica do céu a olhar. O ideal é procurar um lugar escuro, longe da poluição luminosa das grandes cidades, com o horizonte livre e deitar-se em uma cadeira de praia, de modo a ver o máximo de céu possível.”

Que camiseta vc vai usar para assistir o novo filme dos Cavaleiros do Zodíaco nos cinemas?
escolha uma em nossa loja: http://bit.ly/useCDZ

http://bit.ly/useCDZ

Há 1 dia1 notes

compartilhe

Camus e Milo

(Fonte: perladellanotte)

Há 3 dias55 notes

compartilhe

Shiryu e Okko

(Fonte: saint-seiya-fan)

Há 3 dias22 notes

compartilhe

Aos dias, que tenhas aqueles de ofuscante luz e imersão de energia.
Às noites, que tenhas a benção das luas e a serenidade do silencio.
Ao carinho, que te presentem na proporção e na importância que  o empregas.
Ao ódio, que não lhe chegues, que a ti ele não nasça.
Do Vento, que tenhas o frescor, que dali seu sufoco se transforme em alívio.
Que do Sol e da Chuva, tenha tudo que precisas para viver, que tenha sustento igual a teus sacrifícios.
Mas ao Amor, que tenhas de todas as formas, pois todas elas se fazem válidas, límpidas, puras, e únicas, homogêneo em sua forma mais complexa, Heterogêneo em sua forma mais visível. Vamos celebrá-lo a forma mais feliz e mais bela pois ao amor não há limites, não há barreiras, ao amor existe apenas a necessidade, a necessidade de compreendermos, darmos e recebermos.
~Sísifo


ARTE por ごまあえ

Aos dias, que tenhas aqueles de ofuscante luz e imersão de energia.

Às noites, que tenhas a benção das luas e a serenidade do silencio.

Ao carinho, que te presentem na proporção e na importância que  o empregas.

Ao ódio, que não lhe chegues, que a ti ele não nasça.

Do Vento, que tenhas o frescor, que dali seu sufoco se transforme em alívio.

Que do Sol e da Chuva, tenha tudo que precisas para viver, que tenha sustento igual a teus sacrifícios.

Mas ao Amor, que tenhas de todas as formas, pois todas elas se fazem válidas, límpidas, puras, e únicas, homogêneo em sua forma mais complexa, Heterogêneo em sua forma mais visível. Vamos celebrá-lo a forma mais feliz e mais bela pois ao amor não há limites, não há barreiras, ao amor existe apenas a necessidade, a necessidade de compreendermos, darmos e recebermos.

~Sísifo

ARTE por ごまあえ

#CDZ #SAINT SEIYA #HYOGA #CAMUS #AQUARIUS #CYGNUS #CISNE #AMOR #LOVE #FELLING #SENTIMENTOS #MINIMALISM #COLORS #TRUE COLORS

Há 5 dias8 notes

compartilhe

Shun de Andrômeda
desenho do Jefferson Sampaio

Shun de Andrômeda

desenho do Jefferson Sampaio

#desenhos #submission

Há 1 semana4 notes

compartilhe

Meu fanart do deuses gêmeos do sono e da morte, Hypnos e Thanatos

Um desenho que fiz e colori pelo photoshop, usando a ferramenta Pincel. Espero que gostemimage

desenho enviado pelo Cássio Silva

álbum completo aqui

Há 1 semana7 notes

compartilhe

Jeitinho brasileiro do Jabu 

Que camiseta vc vai usar para assistir o novo filme dos Cavaleiros do Zodíaco nos cinemas?
escolha uma em nossa loja: http://bit.ly/useCDZ

use CDZ

http://bit.ly/useCDZ

Há 1 semana24 notes

compartilhe